Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Mais Portugal Turismo

Nosso intuito é divulgar Portugal de forma a torná-lo ainda mais conhecido por nossa gente, e internacionalmente através da sua história, arquitetura, gastronomia, belezas naturais e manifestações culturais.

Mais Portugal Turismo

Nosso intuito é divulgar Portugal de forma a torná-lo ainda mais conhecido por nossa gente, e internacionalmente através da sua história, arquitetura, gastronomia, belezas naturais e manifestações culturais.

Palácio Condes de Castro Guimarães [Museu-Biblioteca Condes de Castro Guimarães] – Cascais (Portugal).

03.06.18 | TZLX

A construção da Torre de S. Sebastião, actual Museu Condes de Castro Guimarães, data do início do século XX e foi mandada edificar pelo aristocrata Jorge O'Neil. Obra notável da arquitectura romântica, a Torre de S. Sebastião fascina pela mistura de estilos e por um envolvente misticismo que faz imaginar histórias de outros tempos...
Em 1910, o palácio foi vendido aos Condes de Castro Guimarães que, após procederem a algumas alterações, passaram a habitá-lo grande parte do ano.
O bom gosto do casal reflectiu-se na aquisição de peças de arte e mobiliário representativos de várias épocas, assim como o seu interesse pela cultura se fez sentir com a compra de dois dos elementos mais significativos do acervo do actual Museu: um órgão neo-gótico, construído de encomenda para o Conde e a valiosa Crónica de D. Afonso Henriques, de Duarte Galvão.
Os Condes usufruíram pouco tempo deste magnífico palácio. Quando faleceu, em 1927, o Conde deixou, em testamento, a casa e propriedade ao Município de Cascais, para que nelas fosse constituída uma Casa-Museu e Jardim Público.
O Museu-Biblioteca dos Condes de Castro Guimarães foi oficialmente inaugurado a 12 de Julho de 1931, tendo sido durante largos anos o único existente no Concelho de Cascais.
[Fonte: CM Cascais].

2114.jpg

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.